Obama visita Nova Orleans no 5º aniversário do Katrina

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, chegou hoje a Nova Orleans para passar junto aos moradores da cidade o quinto aniversário da passagem do furacão Katrina, que arrasou a localidade. Obama interrompeu suas férias em Massachusetts para visitar a cidade.

AE, Agência Estado

29 de agosto de 2010 | 17h35

"Nova Orleans está se recuperando, mas ainda há trabalho a fazer", disse o porta-voz da Casa Branca, Bill Burton. Mais de 1,5 mil pessoas morreram na tragédia, quando o Katrina, um furacão de categoria 5, rompeu os diques que submergiram a cidade.

Durante sua visita, Obama "lembrará as vidas perdidas e compartilhará do sacrifício da população da Costa do Golfo por causa do Katrina", disse a Casa Branca. Obama também deverá dizer que "irá comprometer novamente a nação" com uma região que mais recentemente lutou contra o pior vazamento de petróleo da história.

Antes da chegada de Obama, a Casa Branca afirmou que o governo federal dos EUA está trabalhando para melhorar a situação em Nova Orleans, ajudando famílias que ainda estão em abrigos temporários a encontrarem casas permanentes. Além disso, o governo disse que reconstruiu 352 quilômetros de diques e implantou projetos de emergência para retirar a população, no caso da passagem de um novo furacão.

Segundo críticos, reconstruir os diques com as mesmas especificações é algo temerário. "Não foi um desastre natural, foi um desastre provocado pelo homem", disse hoje a senadora Mary Landrieu (Democrata pela Louisiana) à emissora de televisão NBC. Ela pediu por mais recursos do governo, afirmando que das 200 mil casas destruídas, apenas 5 mil foram reconstruídas. As informações são da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.