Obama:EUA não têm intenção hostil sobre Pyongyang

O presidente norte-americano, Barack Obama, disse nesta segunda-feira aos líderes da Coreia do Norte que os EUA não têm intenção hostil em relação a eles, mas que eles devem desistir de suas armas nucleares.

Agência Estado

25 de março de 2012 | 23h37

"Hoje nós dizemos: Pyongyang teve a coragem de buscar a paz e de dar uma vida melhor ao povo da Coreia do Norte", disse Obama em Seul. "Quero falar diretamente com os líderes de Pyongyang. Os Estados Unidos não têm nenhuma intenção hostil em relação a seu país. Estamos comprometidos com a paz", frisou Obama.

O presidente dos EUA afirmou que o perigo de que grupos terroristas possam obter material radioativo e construir uma bomba nuclear continua sendo uma das principais ameaças para o mundo. "O perigo do terrorismo nuclear é uma ameaça à segurança global. É por isso que em Seul precisamos mantê-la", disse Obama em um discurso na capital sul-coreana antes da cúpula sobre armamentos nucleares que envolverá 53 países. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAObamaCoreia do Norte

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.