Obra teria sido a origem de gás no aeroporto de Miami

Um local em obras teria sido a fonte dos gases irritantes que entraram no sistema de ventilação do terminal B do Aeroporto Internacional de Miami na manhã de hoje, causando problemas respiratórios em pelo menos 35 pessoas, informou a rede de televisão CNN. O chefe de segurança do aeroporto, Mark Forare, descartou a possibilidade de ataques ou de liberação de produtos químicos ou biológicos, a despeito de autoridades terem aventado que a substância se assemelhava ao antraz. "Não há nada suspeito nesse sentido até agora", disse Forare. Uma equipe fez uma varredura na área ao redor do ponto de checagem de segurança do Terminal B do aeroporto, que foi evacuado após várias pessoas reclamarem de dificuldades respiratórias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.