Observador da ONU é assassinado no Congo

Homens armados não identificados atacaram hoje um grupo de observadores da Organização das Nações Unidas (ONU) no leste do Congo, deixando um morto e outro ferido, informou a entidade. Dois observadores escaparam ilesos, inclusive um que inicialmente foi considerado desaparecido, disse Sebastien Lapierre, porta-voz da ONU, em conversa com a The Associated Press.Em um comunicado denunciando o ataque, a Missão da ONU no Congo (MONUC) informou que seus observadores estavam desarmados. A MONUC, em cooperação com o governo local, "adotará todas as medidas necessárias para garantir a identificação, a prisão e a punição dos responsáveis de acordo com a lei", dizia o comunicado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.