OEA alerta para ameaça a judeus na Venezuela

A Comissão Interamericana de Direitos Humanos da OEA alertou ontem, em um relatório, para a "ameaça à vida e à integridade física dos membros da comunidade judaica na Venezuela". Segundo a comissão, o discurso antissemita ganhou força no governo do país e foram feitas investidas policiais contra entidades judaicas. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.