OEA pode coordenar diálogo com Colômbia

O embaixador do Equador na Organização dos Estados Americanos (OEA), Francisco Proaño, afirmou ontem que a organização poderá coordenar negociações para uma "abertura" que leve à volta das relações entre Quito e Bogotá. Os dois países romperam laços após o ataque colombiano contra as Farc no Equador, em março de 2008.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.