Oficiais armados serão colocados em vôos na Inglaterra

Oficiais armados deverão ser destacados para viajar em alguns vôos civis na Inglaterra em resposta ao alerta terrorista nos Estados Unidos (EUA), afirmou hoje o governo britânico. O Departamento de Transportes não especificou quando ou onde esses oficiais deverão viajar. No entanto, um relatório de uma comissão governamental no início do mês recomendou que eles sejam colocados em vôos transatlânticos como forma de prevenir ações terroristas.O secretário David Blunckett, o mais alto oficial britânico para aplicação de leis, explicou que a decisão foi anunciada com base no alerta laranja - o segundo nível mais alto contra o terrorismo - lançado pelos americanos no último dia 21, mas disse que os ingleses não devem ter medo de viajar de avião. "Estamos propondo uma resposta num nível apropriado e proporcional num momento em que o perigo em ambos os países e no mundo todo continua séria e real", disse o oficial.Se a operação for bem-sucedida, ela deverá ser estendida a outros vôos.Precaução - Quinta-feira, a Austrália afirmou que oficiais armados viajariam em alguns vôos da Qantas entre o país e Singapura e poderão ser destacados para vôos para os EUA. Esta operação tem sido adotada com freqüência desde os atentados de 11 de setembro de 2001.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.