Oito pessoas morrem em deslizamento de terras nas Filipinas

Cerca de 18 casas foram arrasadas pela lama e 70 famílias se refugiaram num colégio para escapar das chuvas

EFE

07 de setembro de 2008 | 05h04

Pelo menos oito pessoas morreram, nove estão desaparecidas e 17 ficaram feridas depois que um deslizamento de terra causado pelas chuvas torrenciais sepultaram uma aldeia em uma região de minas de ouro no sul das Filipinas. Os fatos aconteceram em Compostela Valley, uma região muito pobre e afetada pelo conflito da insurgência comunista no coração da ilha de Mindanao. Até 18 casas foram arrasadas pela lama e umas 70 famílias se viram obrigadas a se refugiar em um colégio para escapar das chuvas, segundo o chefe da Polícia regional, superintendente Andrés Caro. Policiais e militares, apoiados por dois helicópteros da Força Aérea e trabalhadores das companhias mineiras, trabalham para achar os desaparecidos, com pouca esperança de encontrá-los com vida.

Tudo o que sabemos sobre:
Filipinas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.