Oklahoma caça atirador que matou 3 pessoas

Autoridades do Estado norte-americano de Oklahoma lançaram neste sábado uma caçada por um atirador que teria matado ao menos três pessoas em diferentes pontos da pacata cidade de Tulsa. "Me dói falar sobre um episódio tão violento que nós desta comunidade certamente não tínhamos visto na história recente", declarou o prefeito de Tulsa, Dewey Bartlett, apelando à população que fique atenta a pistas do suposto atirador solitário. "Precisamos de sua ajuda", disse.

SERGIO CALDAS, Agência Estado

07 de abril de 2012 | 19h49

O atirador, descrito como um homem branco não identificado que viaja numa picape de cor branca, teria matado três pessoas e deixado outras duas gravemente feridas na sexta-feira em quatro locais diferentes, num raio de 4,8 quilômetros.

Todas as vítimas eram negras e a polícia investiga se os crimes teriam motivação racial. Agentes do FBI e do US Marshals Service se juntaram ao departamento de investigação de Oklahoma para tentar rastrear o suspeito, que teria usado uma arma de baixo calibre.

Até o momento, não apareceram testemunhas dos ataques. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAatirador

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.