OMS diz que ebola causou 5.500 mortes

Cerca de 5.500 pessoas morreram de ebola, afirmou a Organização Mundial da Saúde (OMS), em sua última atualização. A agência destacou que a transmissão permanece intensa nos três países mais atingidos pela doença na África Ocidental, Guiné, Libéria e Serra Leoa.

Estadão Conteúdo

21 Novembro 2014 | 20h25

De acordo com a OMS, foram contabilizados 15.531 casos confirmados, suspeitos ou prováveis de ebola nos oito países atingidos pelo vírus.

A agência também declarou que a República Democrática do Congo foi considerada livre da doença após o país o país passar por 42 dias, o dobro do período de incubação do vírus, sem reportar casos de ebola. O surto na nação, que é uma epidemia separada da que acontece na África Ocidental, deixou 49 pessoas mortas. Fonte: Dow Jones Newswires.

Mais conteúdo sobre:
OMSebola

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.