OMS pede preparo aos países para combater gripe suína

A Organização Mundial da Saúde (OMS) para que os países se preparem para enfrentar a gripe suína e enfatizou ainda que uma possível pandemia - epidemia generalizada - poderia afetar mais as populações mais pobres. A OMS informou ontem que analisa elevar o nível de alerta sobre a gripe suína de 4 para 5, o penúltimo de uma escala de 6, o que indicaria estágio de pandemia - a disseminação da doença em pelo menos dois países. ?Ainda não é algo inevitável. Mas estamos considerando essa possibilidade de forma muito séria. Chegou o momento de os países se prepararem para uma pandemia, especialmente aqueles que ainda não contam com planos (de contingência)?, disse Keiji Fukuda, vice-diretor da OMS.

AE, Agencia Estado

29 de abril de 2009 | 07h25

Enquanto isso, cientistas tentam descobrir a origem do vírus causador da doença e a OMS busca parceiros, inclusive no Brasil, para a pesquisa de uma vacina. Até ontem, a doença somava 114 e 7 óbitos confirmados confirmados, todos no México. Outros cerca de 2 mil casos e 100 mortes ainda são investigados pelo mundo.

O vice-diretor diz que existe a possibilidade de que a pandemia seja apenas leve, mas prefere ser cauteloso. ?Uma das lições da história é que uma pandemia pode passar de suave para severa e ainda é cedo para dizer aonde esta vai.? Segundo a OMS, para a mudança do nível 4 para o 5 é necessária a confirmação de que a transmissão do vírus H1N1 está ocorrendo de forma sustentável em pelo menos dois países. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Tudo o que sabemos sobre:
gripe suínaOMSpandemia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.