Onda de frio mata 37 na Ucrânia e na Rússia

Uma onda de frio deixou ao menos 37 mortos desde o início do mês na Ucrânia e na Rússia, onde na Sibéria os termômetros marcaram ontem -55°C. Na Ucrânia, a temperatura chegou ontem a -20°C e 19 pessoas morreram. Nas estradas, a nevasca bloqueou a passagem de carros e caminhões. Autoridades distribuem alimentos para moradores de rua. Na Rússia, ao menos seis pessoas morreram ontem. Das 227 pessoas que solicitaram assistência médica, 103 foram hospitalizadas, informou a agência Ria Novosti.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.