Onda de terror na Colômbia: 4 mortos e 15 feridos

Pelo menos quatro pessoas morreram e outras 15 ficaram feridas em um atentado com explosivos nesta quinta-feira em Medellín, no noroeste da Colômbia. Entre os feridos há várias pessoas que tiveram as pernas amputadas no impacto. A explosão também causou danos em estabelecimentos comerciais próximos ao local da detonação e nas instalações de uma universidade. Em Cali, três outras bombas foram lançadas contra patrulhas da polícia e um ônibus. A polícia local informou que não houve feridos. No centro da cidade, uma bomba com 50 kg de explosivos foi desativada. Na quarta-feira, o governador de Meta, Edilberto Catro, saiu ileso de um atentado com um pacote-bomba disfarçado de fita de vídeo. A tentativa de homicídio foi atribuída às Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.