ONG denuncia crime eleitoral antes de eleição

O Observatório para Proteção dos Defensores dos Direitos Humanos denunciou ontem a falta de independência do Judiciário e as irregularidades eleitorais da Nicarágua, cujas eleições ocorrem no domingo. O estudo, elaborado por uma equipe que visitou Manágua em maio, exorta autoridades nicaraguenses a tomar medidas contra abusos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.