Ônibus cai em abismo e mata 47 na Índia

Um ônibus que transportava convidados de um casamento saiu da estrada e caiu em um lago de 12 metros de profundidade nesta quinta-feira no nordeste da Índia, causando a morte de 47 pessoas. Outros 27 passageiros ficaram feridos. Os passageiros viajavam a Goumura, um povoado a 80 quilômetros a oeste de Gauhati, capital do Estado de Assamd, onde ocorreria a festa de casamento, quando o motorista perdeu o controle do veículo, que precipitou em um abismo até parar no fundo do lado. Entre os passageiros estavam os noivos, que já foram resgatados, e os convidados. "O ônibus foi retirado da água por uma grua e as 47 vítimas haviam ficado presas dentro do veículo", disse o oficial da polícia Bipin Borgahain. Pouco depois deste acidente rodoviário, que está sendo considerado um dos piores já ocorridos no país, um outro ônibus caiu em uma ribanceira, matando 15 pessoas e ferindo 17. A Índia registra um total de 10% das vítimas de acidente de trânsito em todo o mundo, apesar de somente 1% dos veículos do planeta circular em suas estradas, segundo a Instituição de Engenheiros do país. O ônibus é o meio de transporte público mais utilizado, mas muitos dos veículos estão velhos e viajam com excesso de passageiros. O mau estado de grande parte das estradas e, sobretudo, o desrespeito do motoristas às leis de trânsito, fazem com que a Índia seja um dos países do mundo com o maior número proporcional de acidentes - com 250 mortes por dia.

Agencia Estado,

20 Abril 2006 | 14h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.