ONU anuncia roubo de explosivos sob guarda do Hamas

A Organização das Nações Unidas (ONU) informou hoje que explosivos estocados na Faixa de Gaza sob a guarda do partido militante Hamas foram roubados. O porta-voz da ONU Richard Miron disse que os explosivos e outras armas estavam sendo mantidos na região até que uma equipe de especialistas da entidade pudesse desativá-los. O roubo foi detectado no domingo, quando funcionários da ONU visitaram novamente o depósito e notaram que a maioria das armas não estava mais no local.Miron afirmou que o material é "extremamente perigoso e precisa ser descartado de uma maneira segura". Ele disse que os explosivos estavam "em um depósito em Cidade de Gaza, sob a guarda da polícia do Hamas, quando foi roubado". Um porta-voz militar israelense, Peter Lerner, afirmou ao jornal Haaretz, de Israel, que os explosivos foram para as mãos do próprio Hamas. Funcionários do grupo palestino não comentaram o fato. Já a BBC informou que os explosivos haviam sido lançados por Israel durante a ofensiva militar do país contra o grupo militante palestino, no mês passado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.