ONU aprova US$ 280 mi em indenizações da Guerra do Golfo

A Comissão de Indenizações da ONU anunciou nesta quinta-feira que disponibilizou US$ 280 milhões, que serão distribuídos entre 41 pessoas que entraram com pedidos de indenização pelos danos que sofreram durante a Guerra do Golfo, no começo da década de 90.O pagamento das indenizações às vítimas da ocupação do Kuwait pelo Iraque em 1990 começou em junho de 1994, e é feito pelas autoridades dos países afetados.As compensações aprovadas nesta quinta-feira são referentes a reivindicações de companhias, entidades públicas e privadas, governos e organizações internacionais.Após esta nova rodada de pagamentos, a comissão disse que 39 pedidos ainda ficarão pendentes de análise.A maior soma liberada nesta quinta pela ONU é destinada a litigantes do Kuwait, que, juntos, receberão US$ 229,4 milhões.Também foram indenizadas companhias e instâncias públicas dos Estados Unidos (US$ 10 milhões), da Arábia Saudita (US$ 20 milhões), da Turquia (US$ 8 milhões), do Egito (US$ 7,5 milhões) e da Bósnia-Herzegovina (US$ 4,8 milhões).O total desembolsado desde que este instrumento de compensações começou a funcionar já passa de US$ 22 bilhões.O dinheiro é procedente da retenção de 5% dos lucro obtidas pelas exportações de petróleo do Iraque.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.