ONU condena ataque a consulado dos EUA em Benghazi

A Organização das Nações Unidas (ONU) denunciou nos mais duros termos o assassinato do embaixador norte-americano na Líbia e de mais três diplomatas norte-americanos no ataque de ontem ao consulado dos Estados Unidos em Benghazi.

AE, Agência Estado

12 de setembro de 2012 | 12h05

Perante o Conselho de Segurança (CS) da ONU, o subsecretário-geral de assuntos políticos da entidade, Jeffrey Feltman, disse condenar o ataque "nos mais duros termos". Ainda segundo ele, as mortes "enfatizam os desafios das autoridades líbias em relação à segurança" no país. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
LíbiaembaixadormorteONU

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.