ONU declara oficialmente que general brasileiro se suicidou

As Nações Unidas informam que o general brasileiro Urano Teixeira da Matta Bacellar, que comandava a missão da ONU no Haiti, cometeu suicídio. O general foi encontrado morto com um tiro no último sábado em seu hotel na capital haitiana, Porto Príncipe. "A Missão da ONU no Haiti agora diz que a causa oficial da morte do general... o falecido comandante da força, foi suicídio", disse o porta-voz Stephane Dujarric, acrescentando que essa também é a conclusão "da investigação brasileira".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.