ONU denuncia violações de Israel

O relator da ONU para Direitos Humanos nos territórios palestinos, Richard Falk, disse que os ataques de Israel em Gaza podem ser considerados "crimes de guerra de grande magnitude". As conclusões do relator serão debatidas na segunda-feira na ONU. Falk pedirá que o Conselho de Segurança da organização crie um tribunal para investigar e punir os responsáveis israelenses.Segundo o relator, as Convenções de Genebra exigem a distinção entre alvos militares e civis - critério que não teria sido utilizado por Israel. Para Falk, toda a população civil foi "alvo de ataques desumanos que mataram e causaram distúrbios psicológicos". O fechamento das fronteiras de Gaza por Israel, medida que impediu a saída de civis da zona de conflito, também pode ser considerado crime de guerra, disse o relator.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.