ONU encerra 13 anos de missão no país

A ONU encerrou ontem oficialmente sua missão em Timor-Leste, 13 anos após ter chegado para dar segurança ao plebiscito que levou o país à independência. Ao todo, entre 1999 e 2012, passaram por Timor cinco missões da ONU, quatro das quais para a manutenção da paz. A partida dos 2 mil funcionários ocorreu ao longo das últimas semanas e apenas uma reduzida equipe, chefiada pelo diplomata dinamarquês Finn Reske-Nielsen, permanecerá até março para tratar dos últimos detalhes da transição.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.