Jerome Delay/AP
Jerome Delay/AP

ONU espera ter acesso completo ao norte do Mali em alguns dias

Organização estima que 500 mil pessoas estejam em 'estado de insegurança alimentar' e precisando de ajuda

AE, Agência Estado

06 de fevereiro de 2013 | 15h13

GENEBRA - A Organização das Nações Unidas (ONU) disse que espera ter acesso completo a operações de ajuda no norte do Mali em alguns dias, mas alertou que a situação de segurança ainda é uma preocupação.

"Nós temos agora acesso de volta ao centro do Mali", disse David Gressly, que comanda as operações na região do Escritório da ONU para a Coordenação de Assuntos Humanitários. "Mas nós estamos buscando acesso mais amplo, através do norte do Mali. Nós estamos preocupados com a população no norte porque aproximadamente 500 mil pessoas estão em estado de insegurança alimentar e precisam de ajuda", disse ele a jornalistas em Genebra.

"Nós poderemos ter acesso nos próximos dias. Nós estamos trabalhando em avaliações agora e, com base nessas avaliações, poderemos restabelecer uma presença", acrescentou.

A forças da França intervieram no Mali no dia 11 de janeiro para ajudar o Exército a conter o avanço na capital Bamako de islamitas que invadiram o norte depois de um golpe militar em março do ano passado.

As informações são da Dow Jones

Tudo o que sabemos sobre:
MaliFrançaintervenção militarONU

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.