ONU pede ajuda a vítimas do conflito na Geórgia

A ONU está pronta para continuar afornecer ajuda humanitária aos desabrigados do conflito naGeórgia, disse Ban Ki-moon, secretário-geral da ONU, nestedomingo. Falando depois de uma cerimônia de aniversário do painelclimático da ONU, Ban se recusou a comentar as cisõesdiplomáticas surgidas depois da intervenção militar russa naGeórgia, mas disse considerar a situação séria. "Estou profundamente preocupado com o que aconteceu naquelaárea, e estive discutindo o assunto ontem mesmo com líderes daspartes envolvidas, e estou permanentemente engajado naquestão", disse ele a jornalistas em Genebra. "Deixei muito claro que a ONU está pronta para oferecerseus bons ofícios e vamos continuar a fornecer ajudahumanitária a todos os afetados, inclusive na Ossétia do Sul",disse o secretário-geral. Moscou retirou boa parte das forças que deslocou trêssemanas atrás para esmagar a tentativa da Geórgia de retomar aprovíncia separatista da Ossétia do Sul. Lideres da UE vão se reunir em Bruxelas na segunda-feirapara debater a reação do bloco à ação russa e sua decisão dereconhecer as regiões separatistas da Ossétia do Sul e daAbkházia como estados independentes.

REUTERS

31 de agosto de 2008 | 14h24

Tudo o que sabemos sobre:
GERALONU

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.