ONU pede que Israel respeite os direitos humanos

Em uma conferência de imprensa para quase cem jornalistas de todo o mundo, o brasileiro Sérgio Vieira de Mello, o alto comissário da ONU para direitos humanos, garantiu que já entrou em contato com as autoridades israelenses pedindo que respeitem os direitos humanos na região. O brasileiro lembrou que, depois de seis semanas de relativa estabilidade em Israel, os conflitos foram retomados nos últimos dias. "No caso dos conflitos entre Israel e a Palestina, apenas o respeito pelos direitos humanos poderá trazer uma solução para a região ", afirmou. Vieira de Mello afirma que, por ter trabalhado pela ONU no sul do Líbano por alguns anos, conhece a situação da região como poucos. "Viví o drama", disse. "O conflito já durou muito tempo e já gerou muito sofrimento", afirma o brasileiro, que acredita que os ataques de ambas partes apenas servem para fortalecer o ódio entre palestinos e israelenses. "Esse é o pior obstáculo à paz", afirmou o brasileiro. Na avaliação de Sérgio Vieira de Mello, os ataques de ambos os lados são contrários ao interesse de todas as partes. "Os dois grupos precisam encontrar uma fórmula para que os permitam coexistir", completou o brasileiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.