ONU pede US$ 1,5 bilhão em ajuda à Síria

Entidade alertou que número de refugiados em países vizinhos pode ser de um milhão até junho de 2013

AE, Agência Estado

19 de dezembro de 2012 | 21h00

GENEBRA - A Organização das Nações Unidas (ONU) fez, quarta-feira, um apelo geral, no qual pede US$ 1,5 bilhão para ajudar a população da Síria, dentro e fora do país devastado pela guerra, ao longo dos próximos seis meses. A entidade alertou que o número de refugiados em países vizinhos, atualmente em 500 mil pessoas, poderia dobrar para um milhão até junho de 2013.

"O conflito tornou-se cada vez mais brutal e indiscriminado e cobrou um pesado tributo", afirmou a agência de assuntos humanitários das Nações Unidas, em um comunicado.

As informações são da Associated Press

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.