ONU pede US$ 117 milhões para refugiados palestinos

O chefe da agência de ajuda da ONU para os refugiados palestinos, Peter Hansen, apelou nesta quinta-feira à comunidade internacional para o levantamento de um fundo de emergência de US$ 117 milhões. "A situação está tão difícil agora quanto em todos os meus seis anos no cargo", afirmou ele. "Em um ambiente de instabilidade política e incertezas, esperamos que a comunidade internacional responda generosamente", disse. Depois de 16 meses de violência no Oriente Médio, cerca de 900 palestinos foram assassinados pelos israelenses. Além disso, os bloqueios levantados pelo governo do primeiro-ministro Ariel Sharon em torno de áreas israelenses causaram ainda mais miséria ao povo palestino. Hansen disse que a agência planeja distribuir cerca de US$ 26 milhões em comida a aproximadamente 217.000 famílias na Cisjordânia e Faixa de Gaza, onde metade da população vive abaixo da linha da pobreza.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.