ONU pedirá US$ 1 bi para alimentar iraquianos

Com os alimentos escasseando para milhões de iraquianos, uma agência da ONU fará o maior pedido individual de verba em sua história - mais de US$ 1 bilhão - para ajudar a alimentar a nação afetada pela guerra por cerca de seis meses, disse hoje um funcionário das Nações Unidas à Associated Press.Cerca de 60% dos 22 milhões de habitantes do Iraque - 13 milhões de pessoas - são totalmente dependentes de doações de comida. Funcionários da ONU saíram do Iraque depois do início da guerra liderada pelos EUA na semana passada, e os iraquianos foram deixados com cerca de cinco semanas de suprimentos, informou o porta-voz do Programa Mundial de Alimentação, Trevor Rowe."Devemos pedir mais de US$ 1 bilhão", adiantou, numa entrevista na sede da agência, em Roma. "Isso pode bem ser a maior operação humanitária da história".O apelo fará parte de um pedido maior da ONU de ajuda para o Iraque que será feito "muito, muito em breve", afirmou Rowe, provavelmente nesta quarta-feira na sede da ONU, em Nova York. Veja o especial :

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.