ONU prepara ações contra 'sabotadores' da paz no Iêmen

O Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) afirmou que está preparado para impor sanções contra "sabotadores" que ameaçam a paz, a segurança e a estabilidade do Iêmen.

Estadão Conteúdo

13 de outubro de 2014 | 21h09

Em uma reunião de emergência nesta segunda-feira, o Conselho condenou o crescimento do número de ataques terroristas ligados ao grupo Al-Qaeda e expressou preocupação profunda sobre os últimos acontecimentos no Iêmen, incluindo a tomada da capital por rebeldes xiitas. O Conselho elogiou a nomeação do novo primeiro-ministro, Ahmed Ben Mubarak, e encorajou o novo governo a realizar reformas.

O Conselho afirmou que está preparado para avaliar com urgência qualquer prova contra "sabotadores" que bloqueiem a implementação de um plano de paz e democracia adotado após um diálogo nacional.

O enviado especial da ONU para o Iêmen, Jamal Benomar, disse ao Conselho que "a transição está em risco de entrar em colapso" e que o único caminho é implementar o plano de paz. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
IêmenONUsanções

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.