ONU quer garantir aos sírios ajuda humanitária

A subsecretária-geral da ONU para Assuntos Humanitários, Valerie Amos, afirmou ontem no Rio que o "grande desafio" da entidade internacional em relação à Síria é negociar com Damasco a entrada de 10 mil voluntários do Crescente Vermelho para ajudar "até 1 milhão de pessoas" no país em crise.

O Estado de S.Paulo

04 de abril de 2012 | 03h05

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.