ONU suspende operações em província afegã após ataque

O Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (Acnur) suspendeu suas operações em uma província do leste do Afeganistão, depois de um foguete ter sido disparado contra um de seus complexos na região, disse a porta-voz Maki Shinohara. O foguete pousou a cerca de 400 metros do escritório do Acnur em Asadabad. Não há relatos sobre vítimas. O ataque ocorreu no domingo. As operações do Acnur na província de Kunar foram suspensas pouco depois, mas Shinohara não informou o dia exato."A situação de segurança na província vem sendo muito difícil há mais ou menos um ano. Os ataques com foguetes e as explosões de bombas e minas são freqüentes", comentou. "O Acnur continuará a monitorar de perto a situação em Kunar, mas, a não ser que sejam dadas algumas garantias de segurança, é difícil prever quando poderemos retomar nossas operações na região", explicou a porta-voz.Militantes armados rebelaram-se contra o governo do presidente Hamid Karzai, apoiado pelo Ocidente, e promovem uma guerra de guerrilha na maior parte do sul e do leste do Afeganistão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.