ONU vai encerrar missão de paz no Nepal

O Conselho de Segurança (CS) da Organização das Nações Unidas (ONU) votou por unanimidade hoje pelo fim da missão da entidade que apoia o processo de paz no Nepal. A resolução adotada estende a missão até 15 de janeiro, quando seu mandato será encerrado.

AE-AP, Agência Estado

15 de setembro de 2010 | 17h53

A missão, conhecida como UNMIN, foi estabelecida em janeiro de 2007 para supervisionar o processo de paz que encerrou uma revolta armada de dez anos comandada por rebeldes maoistas que buscavam acabar com a monarquia do Nepal e estabelecer um Estado comunista.

Os rebeldes desistiram da insurgência e terminaram por se tornar parte do sistema político do país. Mas o fracasso do Parlamento em eleger um novo primeiro-ministro virtualmente paralisou o processo político no país do Himalaia. Milhares de ex-rebeldes continuam a viver em campos de refugiados administrados pela ONU, aguardando uma decisão do governo sobre se serão integrado ao Exército nacional ou voltarão à vida civil.

Tudo o que sabemos sobre:
missãopazONU

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.