Operação antiterrorista deixa 1 morto na França

Uma operação antiterrorista lançada neste sábado por toda a França terminou com uma morte e dez pessoas detidas, informou a polícia local. O morto, identificado como Jeremy Sydney, foi baleado após abrir fogo contra a polícia, ferindo três oficiais. O confronto ocorreu na cidade de Estrasburgo, no leste do país.

EQUIPE AE, Agência Estado

06 de outubro de 2012 | 15h00

As prisões ocorreram em várias partes da França e os detidos têm entre 19 e 25 anos. Todos os suspeitos são franceses e quatro deles tinham testamentos, segundo o procurador François Molins. A polícia continua à procura de outros suspeitos, ele informou.

Em comunicado, o presidente da França, François Hollande, elogiou a operação e disse que o governo continuará "protegendo os franceses contra todas as ameaças terroristas".

A operação foi lançada após vestígios de DNA encontrados numa granada usada para explodir uma mercearia kosher levarem a polícia a uma célula jihadista de jovens franceses recentemente convertidos ao Islã. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Françaoperaçãoterrorismo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.