Operação de gêmeos siameses egípcios pode durar 4 dias

Pode durar quatro dias a cirurgia que tenta separar dois bebês do Egito, de dois anos, unidos pela cabeça. A operação teve início às 11h de ontem, no horário de Brasília, num hospital em Dallas, nos Estados Unidos. A equipe médica está otimista em relação à cirurgia, já que as crianças, dois meninos, possuem cérebros separados.O último boletim médico, divulgado às 4 da manhã de hoje, informou que os gêmeos Ahmed e Mohamed Ibrahim apresentam condições estáveis de saúde. Antes da cirurgia, os médicos retiraram tecido das costelas para cobrir a cabeça das crianças, assim que o procedimento terminar. A fase mais arriscada da cirurgia ? a divisão dos vasos sangüíneos ? teve início às 17h de ontem. As informações são da CNN.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.