Oponentes de Chávez contestarão adiamento de posse

Os políticos de oposição da Venezuela disseram que estão se preparando para apresentar um caso diante de um tribunal de direitos humanos para desafiar a decisão da Suprema Corte que permite um adiamento indefinido da posse do presidente Hugo Chávez.

CLARISSA MANGUEIRA, Agência Estado

12 de janeiro de 2013 | 17h38

O caso está sendo preparado por um grupo de políticos da coalizão da oposição. O advogado e membro da oposição Gerardo Blyde afirmou que não está claro ainda quando o caso será apresentado diante da Corte de Direitos Humanos Interamericana, com sede na Costa Rica.

Blyde anunciou os planos para o caso durante um encontro de partidários da oposição em Caracas onde os principais oponentes de Chávez denunciaram a decisão da Suprema Corte nesta semana. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
VenezuelaGerardo Blyde

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.