Oposição búlgara pede voto de não confiança do governo

Parlamentares da oposição da Bulgária pediram uma votação de não confiança contra o governo, ao qual acusam de fracassar na luta contra a corrupção e na repressão ao crime organizado. A moção, a terceira contra o governo de centro-direita, foi assinada por 74 dos 240 parlamentares.

AE, Agência Estado

18 de julho de 2011 | 14h30

Redigida pelo partido étnico Turco e pelo Partido Socialista, a moção também possui apoio da Coalizão Azul, de centro-direita, e do Partido da Justiça, Lei e Ordem. Todos criticam o governo por fracassar em resolver os problemas com o crime organizado e a máfia búlgara, que atrasaram a entrada da Bulgária no sistema de viagens livres dentro das fronteiras da União Europeia, à qual a Bulgária aderiu em 2007.

O governo do primeiro-ministro Boiko Borisov, contudo, possui uma folgada maioria no Parlamento e deverá sobreviver à votação, marcada para a próxima semana. As informações são da Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.