Oposição conservadora vence eleições locais na Hungria

A oposição conservadora, e especialmente seu maior partido, o Fidesz, ganhou as eleições municipais deste domingo na Hungria ao obter a maioria dos votos nos 19 condados do país, segundo os dados preliminares divulgados pelo Escritório Nacional de Eleições.Com 85% dos votos apurados, o Fidesz obtém a maioria dos votos em todos os condados e em 16 das 23 maiores cidades da Hungria, em um pleito marcado pela tensão provocada pela admissão do primeiro-ministro, o socialista Ferenc Gyurcsány, de ter mentido para ganhar as legislativas de abril.O presidente do Fidesz, Viktor Orbán, classificou o resultado das eleições como "derrota histórica" para os socialistas, que pouco após serem reeleitos nas últimas eleições legislativas, anunciaram um pacote de reformas para reduzir o alto déficit fiscal e cumprir os critérios exigidos pela União Européia (UE).Orbán afirmou que "o primeiro-ministro tem que renunciar", mas Gyurcsány reiterou na noite deste domingo à imprensa que não o fará, e manterá a política de reformas iniciada, apesar de admitir que "há críticas, pois os ajustes tiram votos, não os trazem".O premier felicitou os prefeitos e representantes escolhidos e ressaltou que "nesta situação, será importante a cooperação" entre o Governo central e os poderes lcais, sem preferências partidárias. O Escritório Nacional de Eleições informou neste domingo que os resultados definitivos e oficiais serão divulgados na segunda-feira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.