Oposição tenta voltar ao poder após 3 anos

Os japoneses vão às urnas hoje e votam na primeira eleição nacional no país desde o terremoto e o tsunami de 2011, que devastou parte da costa japonesa. A crise nuclear causada pelos problemas na central de Fukushima e os problemas financeiros enfrentados pelo Japão nos últimos anos foram os temas centrais da campanha dos dois principais partidos, o Partido Democrático do Japão (PDJ), do atual primeiro-ministro, Yoshihiko Noda, e o Partido Liberal Democrata (PLD), que tenta voltar ao poder após três anos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.