Oposição vence no Kuwait e nenhuma mulher se elege

A oposição kuwaitiana, liderada pelos reformistas islâmicos, venceu as eleições parlamentares de quinta-feira, nas quais as mulheres, que puderam votar e se candidatar pela primeira vez, não conseguiram nenhuma das 50 cadeiras em disputa, segundo a imprensa do emirado.O Parlamento kuwaitiano tem poderes legislativos e pode impor limites ao governo, liderado pela família real al-Sabah.Segundo a Constituição, o Gabinete deve renunciar no sábado para permitir a formação de um novo governo, o que deve acontecer dentro de duas semanas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.