Oposição venceu eleições no Japão, apontam pesquisas

Candidatos de oposição venceram os dopartido do primeiro-ministro japonês, Junichiro Koizumi, em duasda três eleições cruciais realizada neste domingo, segundopesquisas de boca-de-urna. Embora não alterem a relação de força no Parlamento, onde acoalizão oficialista conserva a maioria em ambas as câmaras, osresultados refletem a crescente perda de popularidade de Koizumie a debilidade de seu governo.As derrotas significam um novo e duro revés para Koizumi,principalmente num momento em que o primeiro-ministro tenta recuperar oapoio do público, reviver planos de reforma política eressuscitar um Partido Liberal Democrata, afundado emescândalos.Segundo as pesquisas, na província de Niigata, o independenteTakahiro Kuroiwa venceu o oficialista Ichiro Tsukada por 541.881votos contra 342.207 na disputa de um lugar no Senado. Em Tokushima, o opositor Tadashi Ota venceu as eleições paragovernador do candidato do Partido Liberal democrata JunkoKawachi por 160.656 votos a 143.637.O único candidato do governo a vencer foi Masatoshi Ishida,que derrotou o opositor Takeshi Kishimoto na disputa de um lugarna Câmara dos Deputados por 71.631 votos a 60.398.Os resultados oficiais das eleições de domingo deverão seranunciados amanhã. A coalizão governista tem 279 cadeiras sobre um total de 480na Câmara dos Deputados e 138 sobre 247 no Senado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.