Opositor de Peña Nieto sofre ataque cardíaco

O ex-candidato da oposição à presidência do México, Andrés Manuel López Obrador, foi hospitalizado nesta terça-feira após sofrer um ataque cardíaco. Obrador lidera a oposição à proposta de reforma do setor de energia do país.

Agência Estado

03 de dezembro de 2013 | 21h08

O opositor - que concorreu nos pleitos presidenciais de 2006 e de 2012, quando perdeu para Enrique Peña Nieto - foi internado em um hospital na Cidade do México, onde foi operado para desobstruir uma artéria, informou o cardiologista Patricio Ortiz em uma coletiva de imprensa. O médico afirmou que Obrador estava em condição estável e se recuperando de forma satisfatória.

No domingo, Obrador realizou um grande encontro da oposição na principal praça da cidade para planejar uma série de ações de protesto à medida que o Congresso retoma nesta semana as discussões para abrir o setor de petróleo mexicano para investimentos privados.

Durante a coletiva de imprensa, o filho de Obrador, Andrés Manuel López Beltrán, afirmou que o plano para protestar em frente ao Senado será mantido. Fonte: Dow Jones Newswires.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.