Órgão de direitos humanos da ONU condena governo da Síria

O principal órgão para os direitos humanos da ONU condenou, nesta sexta-feira, as brutais violações generalizadas cometidas pelas forças do governo sírio e estendeu por seis meses o mandado de sua investigação sobre crimes de guerra.

Reuters

28 de setembro de 2012 | 07h30

Os 47 membros do fórum em Genebra adotaram uma resolução submetida por Estados árabes em uma votação com 41 Estados a favor, três contra (China, Cuba e Rússia) e três abstenções.

O embaixador sírio Faysal Khabbaz Hamoui rejeitou o texto por ser "altamente politizado e seletivo", segundo ele.

(Reportagem de Stephanie Nebehay)

Tudo o que sabemos sobre:
ONUCONDENASIRIAINQUERITO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.