Os piores acidentes em minas da década

Desde o dia 5 de agosto, 33 operários estão presos em uma mina de cobre no deserto do Atacama, no Chile. Sobrevivendo a base de rações de leite e atum, eles esperam o resgate, que pode levar até quatro meses. Veja uma lista dos principais acidentes do tipo na última década

Rose Saconi/Arquivo,

24 de agosto de 2010 | 18h53

 

Agosto/2001

UCRÂNIA- 36 mineiros  morreram , 44 ficaram feridos e 14 ficaram soterrados por causa de uma explosão em uma  mina no leste da Ucrânia. 257 pessoas trabalhavam na mina no momento do acidente. 

 

Setembro/2001

EUA- Duas explosões mataram 13 mineiros na mina Jim Walter Resources 5, no Alabama.

Novembro/2001

COLÔMBIA- 40 pessoas morreram soterradas numa mina de ouro  de Filadelfia - 300 quilômetros a oeste da capital colombiana.  Havia 140 pessoas na escavação (entre as quais muitas crianças) no momento do deslizamento de terra.

 

Julho/2002

EUA - Nove mineiros foram resgatados com vida no Estado da Pensilvânia, depois de permanecerem presos durante três dias em uma mina de carvão parcialmente inundada a 73 metros de profundidade. As equipes de resgate trabalharam desesperadamente durante 74 horas.

 

Depois de várias tentativas fracassadas, os trabalhadores conseguiram fazer  um buraco de aproximadamente 15 centímetros de diâmetro através do qual  puderam passar um pequeno aparelho emissor-receptor e estabelecer  comunicação com os mineiros, enquanto uma minicâmera lhes permitiu  visualizar a situação. 

 

Outubro/2003

 

RÚSSIA- Exaustos e com as faces cobertas pelo pó de carvão, 11 dos 13  mineiros  que  estavam presos havia seis dias na mina Zapadnaya, em Novoshakhtinsk, sul da  Rússia, são resgatados depois que as equipes de socorro conseguiram  escavar uma galeria até o lugar onde eles se encontravam.

 

Os operários ficaram  isolados a 800 metros de profundidade quando a galeria onde trabalhavam foi inundada.  Do grupo de 71 operários que estavam no local, 25 conseguiram escapar e 33 foram resgatados no sábado.

Fevereiro/2005

 

CHINA- 214 mineiros morreram e 12 ficaram presos a 242 metros de profundidade numa explosão de gás na mina de carvão de Sunjiawan, na Província de Liaoning, noroeste do país.  Foi o pior desastre do gênero desde que os comunistas assumiram o poder em 1949. 

 

Janeiro/2006

 

EUA -13 mineiros presos a 80 metros de profundidade em uma mina de carvão na Virgínia Ocidental, em um túnel de quase 900 m. O incidente resultou num saldo trágico: 12 dos trabalhadores estavam mortos. 

 

Fevereiro/2006

MÉXICO -65 mineiros soterrados são resgatados em uma mina no Estado de Coahuila, norte do México.

 

Maio/2006

 

AUSTRÁLIA - Após duas semanas soterrados, mineiros saem praticamente ilesos de mina de  ouro na Austrália.  Eles ficaram presos sob toneladas de pedras que  bloquearam a saída após um terremoto.  Os dois sobreviveram os primeiros  cinco dias com uma única barra de cereal.  Depois, a equipe de resgate  conseguiu fazer com que alimentos e água chegassem ao local, a 900 metros de

profundidade.

 

Outubro/2007

 

ÁFRICA DO SUL - Último grupo de 75 dos 3.200 trabalhadores volta à  superfície após passar 35 horas preso em mina de ouro

 

Abril/2010

 

CHINA - Pelo menos 115 homens foram retirados com vida de uma mina de carvão inundada havia oito dias na Província de Shanxi, no norte da China, em um desfecho surpreendente. Os integrantes do primeiro grupo de nove operários resgatados sobreviveram porque se prenderam com seus cintos de trabalho às paredes da mina, localizada a 250 metros de profundidade, o que evitou que caíssem na água quando adormeciam. 

 

Os nove  mineiros  foram localizados graças às luzes de seus capacetes, que eles mantiveram acessas em turnos, para que não ficassem sem bateria. Nos dias à espera de socorro, alguns dos operários comeram pedaços das vigas de madeira usadas para sustentar as paredes e beberam a água turva que inundou o local. 

Tudo o que sabemos sobre:
minasacidentes

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.