OSCE é impedida de entrar na Crimeia, diz agência

Tiros de advertência foram disparados neste sábado por forças pró-Rússia, que impediram a entrada de uma missão militar estrangeira na Crimeia, de acordo com um repórter da Associated Press.

AE, Agência Estado

08 de março de 2014 | 10h49

O grupo multinacional de oficiais militares da Organização para a Segurança e Cooperação na Europa (OSCE) tentou entrar na península, mas foi parado por homens armados.

Rajadas de armas automáticas foram disparadas para o ar e as autoridades foram informadas que não tinha autorização para entrar na Crimeia, de acordo com um repórter da AP que os acompanha. Não houve feridos. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
ucrâniaosceproibição

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.