OSCE enviará missão militar de observação à Ucrânia

A Organização para Segurança e Cooperação na Europa (OSCE) enviará em breve uma missão militar de observação à Ucrânia. A missão será enviada a pedido do governo interino instalado há poucos dias em Kiev, anunciou o representante dos Estados Unidos na OSCE, Daniel Baer.

Agência Estado

04 de março de 2014 | 17h56

Após uma reunião em Viena, 15 integrantes da OSCE, inclusive os EUA, ofereceram-se voluntariamente para integrar a missão, prosseguiu Baer. Ele disse que pretende viajar à Ucrânia ainda esta semana com o objetivo de chegar à Crimeia.

A Rússia reforçou no fim de semana a segurança em suas bases militares na Península da Crimeia, no sul da Ucrânia. Essas bases são mantidas pela Rússia com base em um acordo bilateral assinado em 1991, quando a União Soviética se dissolveu.

A OSCE inclui todos os países europeus, os EUA e a Rússia. Fonte: Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.