Otan admite ter matado civis em bombardeio

A Otan admitiu ontem que matou acidentalmente um número não divulgado de civis durante um ataque aéreo esta semana no Afeganistão. A organização também informou que está investigando acusações de que outro bombardeio teria deixado mais dois civis mortos. A morte de civis é um ponto de grande tensão entre o presidente do país, Hamid Karzai, e o Ocidente, e tem causado ressentimento dos afegãos em relação às forças estrangeiras.

,

08 de julho de 2011 | 00h40

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.