Otan prepara-se para atuar mais no Afeganistão

Os aliados europeus dos Estados Unidos deverão se oferecer para atuar de maneira mais intensa nas missões de paz na Bósnia e no Afeganistão, em socorro às forças americanas, sobrecarregadas com a ocupação do Iraque e a guerra ao terrorismo. Os países da Europa prepararam planos para ambas as operações nas reunião preparatórias para o encontro de dois dias dos ministros da Defesa da Otan, que começa nesta quarta-feira.A Otan já pediu permissão à ONU para expandir a missão de paz no Afeganistão, levando tropas para além da capital, Cabul. ?Minha prioridade máxima é colocarmos do Afeganistão em ordem?, disse o secretário-geral da Otan, Lord Robertson. Quanto à Bósnia, os ministros da Defesa da União Européia, reunidos em Roma no último sábado, disseram-se dispostos a assumir o comando da força de paz em meados de 2004, substituindo as tropas da Otan que se encontram lá desde 1995.

Agencia Estado,

07 de outubro de 2003 | 20h23

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.