Pacifistas belgas incentivam boicote a produtos americanos

Cerca de 20 pacifistas belgas, acompanhados por alguns legisladores do Partido Verde no Parlamento Europeu, bloquearam durante uma hora um distribuidor da Esso em Bruxelas, onde colocaram um cartaz incitando ao boicote de produtos americanos. Depois de ocuparem o posto de gasolina, os manifestantes, que integram o grupo Pela Mãe Terra, distribuíram pequenos adesivos da Coca-Cola, McDonald?s e outras grandes marcas americanas com a mensagem de apelo para o boicote contra a guerra no Golfo. "É a economia americana que sustenta a ação bélica no Iraque", declarou um dos eurodeputados ecologistas, Miguel Mayol, ao comentar a iniciativa, que se estendeu a outros pontos da Bélgica. Embora o impacto do boicote a produtos americanos seja por enquanto mínimo e ainda não tenha tido conseqüências sobre as vendas, um diretor de uma cadeia de supermercados disse que as companhias americanas estão "acompanhando atentamente a situação". Veja o especial :

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.