Pacto pode encerrar greve de fome de Evo

Deputados governistas e opositores chegaram ontem a um consenso geral sobre a nova lei eleitoral boliviana e a realização de eleições em dezembro - condição para que o presidente Evo Morales encerrasse a greve de fome, iniciada quinta-feira. Horas depois, o Congresso começou a debater, artigo por artigo, o projeto de lei que permitirá a realização das eleições gerais, nas quais Evo tentará se reeleger.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.