Padre reza por ataque cardíaco de Sarkozy

FRANÇA

, O Estado de S.Paulo

23 de agosto de 2010 | 00h00

Vários padres criticaram ontem a decisão do presidente francês, Nicolas Sarkozy, de expulsar centenas de ciganos da França. Um deles, em especial, o padre Arthur Hervet, de Lille, no norte do país, disse que pede em suas orações que Sarkozy tenha um ataque do coração. "Eu rezo, com o seu perdão, para que o senhor Sarkozy tenha um ataque cardíaco", disse Hervet, de 71 anos. A Igreja francesa - e também o Vaticano - lançaram duras críticas no fim de semana contra a política de deportação de ciganos do presidente francês.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.