Pai identifica filho como "taleban australiano"

Um funcionário público identificou como sendo seu filho o australiano capturado no Afeganistão e que fora treinado pela rede terrorista Al-Qaeda. Terry Hicks disse ao tablóide The Melbourne que seu filho David, de 26 anos, lhe havia dito que estava lutando com os talebans, os aliados afegãos da Al-Qaeda, em uma chamada telefônica feita 17 dias depois dos atentados terroristas de 11 de setembro contra os Estados Unidos.O promotor-geral da Austrália, Daryk Williams, disse hoje que um cidadão australiano havia sido capturado no Afeganistão por combatentes da Aliança do Norte. Segundo fontes, o detido teria passado por um intensivo treinamento com a rede terrorista de Osama bin Laden.Williams não identificou o "taleban australiano", mas disse que ele também havia lutado ao lado do Exército de Libertação de Kosovo antes de se mudar para o Afeganistão. "Ele entrou no Afeganistão...em 2000 e, na verdade, recebeu um intensivo treinamento da rede Al-Qaeda de Osama bin Laden", afirmou Williams em um comunicado.Leia o especial

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.